Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

A mostrar mensagens de Abril, 2015

Pesto

Nas vésperas de um fim-de-semana fora costumo ter o cuidado de não deixar alimentos perecíveis dentro do frigorífico. Durante a semana acabo por programar as refeições de maneira a acabar com tudo o que possa estragar-se na nossa ausência. Esta massa que trago hoje nasceu deste improviso. Um pouco de queijo feta já aberto, um pouco de rúcula que não foi gasta na salada, um tomate quase a sair do prazo e um frasco de azeitonas já insertado. E assim se fez uma refeição deliciosa, cheia de produtos mediterrânicos, para almoçar no trabalho._________________________ Massa com pesto de rúcula[serve 2 pessoas]
Ingredientes:
Para o pesto:- 40 gr de pinhões- 1 dente de alho pequeno- 60 gr de rúcula- 15 gr de parmesão ralado- 30 gr de azeite- sal e pimenta qb
Para a massa:- 150 gr de penne integral- 100 gr de queijo feta- 1 tomate- 1 mão cheia de rúcula fresca- 2 colheres de sopa de rúcula- 2 colheres de sopa de azeitonas às rodelas
Preparação:Coloque todos os ingredientes para o pesto num robot de …

Utilizar claras

Estranhamente as últimas análises que fiz acusaram colesterol. Fiquei para morrer… Eu, senhora de análises com valores sempre abaixo do mínimo em todos os items, confesso que fiquei incrédula. Incrédula com os resultados e com o eventual impacto que terá na minha alimentação e rotina. Claro está que fiquei "doente" com a possibilidade de ter que ajustar a minha alimentação e isso só me deu ainda mais vontade de comer todas as porcarias e mais algumas… Até croissants, que é algo que não aprecio por aí além e ainda bem, porque está atolado em carradas de manteiga…Claro que o Mário ainda teorizou que o facto de ter feito as análises no dia 26 de dezembro não terá sido uma ideia lá muito boa… Eu cá acho que, aos poucos, lá vou ter de cortar em algumas coisas. E evitar pensar em privações e dietas, que nestas coisas sou mil vezes pior que as crianças.Por isso, para começar a semana resolvi fazer um bolo com poucas gorduras e feito à base de claras. Achei que talvez ficasse enfado…

Chocolate e pêra

Há dias em que nos apetece mordiscar qualquer coisa doce. Eu garanto que a mim isso acontece praticamente todos os dias, por isso, normalmente tenho um bolinho feito para poder levar para o lanche ou simplesmente saciar os meus pequenos episódios de assalto à cozinha. Num destes dias fiz esta pequena maravilha. Simplesmente porque adoro a combinação da pera e do chocolate. É um casamento mais que perfeito. Bem que tentei racionalizar e fazê-los em uni doses, mas na verdade é difícil ficarmo-nos só por um… Vai um cafezinho acompanhado de um destes?__________________________ Bolinhos de chocolate e pêra [fez 8 bolinhos]
Ingredientes:- 2 ovos L- 180 gr de açúcar amarelo- 1 iogurte natural- 70 ml de óleo (usei de noz)- 250 gr de farinha Branca de Neve- 1 colher de chá de fermento- 2 pêras em cubos- 50 gr de chocolate cortado grosseiramente
Preparação:Pré-aqueça o forno a 180º.Bata os ovos com o açúcar até crescer de volume. Junte o iogurte e o óleo e misture até obter uma mistura homogénea. …

Leite de soja

Se deixasse de comer tudo o que, por uma razão ou por outra, faz mal, diria que morreria à fome. Mas isso não significa que não me esforce por comer o mínimo de produtos manufaturados, ou não tenha preferência por produtos biológicos. Ainda que estas escolhas sejam muitas vezes também condicionadas pelos custos dos produtos ou pelo tempo disponível que temos para substituir os produtos de compra, por produtos feitos em casa.Comecei desta forma para vos explicar a razão porque decidi fazer leite de soja em casa.Em primeiro lugar porque o leite de soja de compra é manufaturado (com todos os corantes e conservantes). Em segundo lugar porque é caro. Em terceiro lugar porque detesto o sabor e o acho totalmente artificial. Em quarto lugar porque me cansei de ler que o leite de soja leva químicos (alguns referem lixivia) para que sejam brancos.Faço leite de soja uma vez por semana, cerca de 2 litros. Demoro cerca de 10 minutos a fazê-lo. Adoro o sabor suave. E não tem corantes nem conservant…

Pão na cocotte

Quando comecei o blog, apesar me queixar permanentemente da falta de tempo, a verdade é que ainda havia espaço para publicar diariamente. Havia tempo para diariamente correr dezenas de blogs, comentar todos, ou quase todos os posts. A lista de blogs que seguia foi crescendo, os comentários que foram aparecendo na página também foram crescendo e confesso que houve dias em que dormia 4 horas por dia, tal foi o descontrolo. Até que um dia tive de dizer chega. Na verdade o blog é o meu alter-ego. Não é, nem nunca será, uma fonte de receitas ou uma rampa de lançamento para um futuro que não existe ou desejo. Mas antes um enorme consumidor de tempo. Que acumulo com dois trabalhos, uma filha pequena, um marido, uma casa…Com muita pena minha, deixei de comentar. Deixei de alimentar receitas com a mesma periodicidade. No entanto, continuo a seguir diversos blogs, blogs que me inspiram, que alimentam a minha própria criatividade. Mas hoje tudo de uma forma muito mais serena. Com muito menos ans…

Folar alentejano

Na minha família a tradição na Páscoa é o folar de carnes - mais precisamente ESTE. Num país que, não é muito maior do que uma ervilha, é fantástico ver as diferenças de região para região. No que aos folares doces diz respeito, até ao ano passado, penso que nunca gostei de nenhum. Quase sempre pela mesma razão - a erva doce da qual não sou especial apreciadora. A juntar a isto, sempre achei estranhamente ridículo o facto de um folar doce ter um ovo cozido anexado... Nunca cheguei a perceber e honestamente qualquer argumento não me parece fazer particular sentido.Quando o ano passado a vizinha do lado, em Milfontes, me fez chegar um folar alentejano acabadinho de sair do forno a lenha, confesso que aceitei por educação. Mas o cheirinho que emanava fez-me querer experimentar e em boa hora o fiz porque era delicioso! Uma das coisas que me recordo particularmente era que não sabia a erva doce e sabia intensamente a requeijão de cabra. Adorei! Especialmente comê-lo com uma bela fatia de …