Avançar para o conteúdo principal

Uma vez mais, sem carne e sem peixe!

Foi na Cozinha da Duxa, blog que aconselho a visitarem, que fui buscar a inspiração para a receita que trago hoje - umas beringelas recheadas.

Claro está que os produtos que recebi da Parmalat tambem deram uma ajuda, como já devem ter percebido pela quantidade imensa de pratos que aqui tenho colocado.

E se rechear legumes não é algo novo cá por casa, a verdade é que rechear com um caril é inédito e foi aprovadissimo!

Sem mais demoras, deixo-vos a receita. É um prato versátil, que podem rechear com o que quiserem, mas posso garantir que não vão sentir minimamente a falta da carne ou do peixe. Delicioso...

_________________________

Beringelas recheadas com caril de legumes

[serve 3 pessoas]


Ingredientes:

- 1,2 kg de beringela (3 grandes)

- 1 cebola pequena + 1 alho francês pequeno, só a parte branca (juntos, 85 gr)

- 1 colher de chá de caril

- 1 colher de chá de garam massala

- 1 colher de chá de açafrão

- 1 colher de sopa de polpa de tomate

- 1 folha de louro

- 2 tomates pequenos

- 80 gr de nabo (1/2)

- 80 gr de cenoura (1/2)

- 80 gr de pimento vermelho (1/4)

- 70 gr de ervilhas tortas

- 80 gr da polpa da beringela

- 250 gr de quiabos

- 80 gr de maçã, com casca

- 400 gr de cogumelos (usei mistura de cogumelos brancos e pleurotos)

- 80 gr de água

- 120 gr de natas Parmalat

- 1 iogurte natural

- 2 colheres de sopa de coco ralado

- lascas de parmesão + coco ralado qb

- azeite e sal qb


Preparação:

Abra as beringelas ao meio e com cuidado remova a polpa, garantindo que as paredes ficam com cerca de meio centímetro de grossura. Corte em quadradinhos 80 gr da polpa retirada e reserve. A restante pode congelar e fazer sopa numa outra oportunidade.

Coloque as metades de beringela num pirex e reserve. Trabalhe os restantes legumes:

- corte os quiabos em três e ponha de molho em água abundante (morna). Vá trocando com frequência durante uma hora para que todo o líquido pegajoso seja removido. Reserve.

- limpe bem os cogumelos (sem lavar) e lamine. Reserve.

- corte a maçã em cubos. Reserve.

- retire o fio às ervilhas tortas (use um descascador de batatas para ser mais rápido) e corte ao meio. Reserve.

- corte o pimento em tiras finas. Reserve.

- descasque a cenoura e o nabo e corte em cubos pequenos. Reserve.

- corte a cebola miudinha para refogar. Reserve.

- corte o alho francês em rodelas fitinhas. Reserve.

Numa frigideira grande aloure a cebola e o alho francês num pouco de azeite. Deixe amolecer. Junte o louro e as especiarias. Deixe libertar os aromas por uns segundos.

Adicione a polpa de tomate e o tomate picadinho. Deixe apurar cerca de 3 minutos em lume brando.

Adicione ao refogado o nabo, a cenoura, o pimento, a polpa de beringela, os quiabos e as ervilhas tortas. Junte o iogurte, a água e as natas. Deixe mingar/cozinhar cerca de 10 minutos.

Adicione os cogumelos e a maçã cortada em cubos e deixe cozinhar mais uns 5 minutos em lume brando. Junte o coco ralado.

Recheie as beringelas com o caril.

Pré-aqueça o forno a 200º.

Polvilhe as beringelas com coco ralado a gosto e lascas de parmesão.

Leve ao forno durante 25/30 minutos.


Nota: Acompanhe com um arroz basmati soltinho.

________________________

 

Comentários

  1. Cada vez mais estou rendida pratos vegan. Por isso, aproveito todas as receitas que me afiguram deliciosas. Como esta que nos trazes hoje.
    Beijinhos e bom Domingo
    Maria

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois é Maria tambem sou da tua opinião e faço pelo menos uma vez por semana um prato assim. Como tenho uma pequena de 3 anos... É mais complicado fazer com maior frequência! Ms sem duvida que nao sinto qualquer falta da carne ou do peixe! Um bom domingo!

      Eliminar
  2. Bom dia Sónia,
    estou a sorrir...,é bom saber saber que gostaste da inspiração,
    levo também a tua, sem peixe e sem carne ;) está formidável!
    Um abraço:)

    ResponderEliminar
  3. Deve ser super delicioso!*
    Com tanto sabor dos condimentos, nem nos apercebemos que estamos só a comer legumes! Eu adoro!*

    ResponderEliminar
  4. Adoro bringelas recheadas e adoro caril, devem ter ficado uma delicia, irei experimentar de certeza:)Ficaram lindas!

    Beijinhos,
    Joana

    ResponderEliminar
  5. Eu tenho um adorador de beringelas recheadas cá em casa! O meu filho vai adorar esta beringela! Vou ver se encontro beringelas, para mandar amanhã para o almoço dele na escola :)
    Beijinhos e bom domingo!!

    ResponderEliminar
  6. Adoro legumes recheados,estes de certeza que ficaram muito bons !

    ResponderEliminar
  7. Que delícia!!!
    Beijinhos
    http://sudelicia.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  8. Super delicia!!!

    Ecelente para este domingo.

    Um abraço,

    ResponderEliminar
  9. Eu adoro beringelas, e assim muito bem recheadas como essas ainda melhor :)

    Ficaram mesmo uma delicia!

    ResponderEliminar
  10. Uma delicia! Também gosto muito de fazer legumes recheados e por vezes uso soja como substituto da carne ou do peixe...
    Bjs
    Paula

    ResponderEliminar
  11. Excelente sugestão, gosto muito de beringelas e estas estão com aspeto delicioso.
    Bjns
    Isabel
    http://emocaoascolheradas.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  12. Ahhh pois é , legumes e caril é uma daquelas combinações fabulosas !!! Adoro :)

    Que delicia de Beringelas, aqui por casa também vou tentando colocar cada vez mais vegetais!Ás vezes o que faço para os "enganar" é colocar um pouco de soja granulada :D Eles não notam e pensam que estão a comer carne picada :P
    Beijinho doce :)

    ResponderEliminar
  13. Ficaram super apetitosas e devem ser uma delícia. Ótima sugestão.
    Bj
    Márcia

    ResponderEliminar
  14. Olá Sonia,

    Eu adoro este tipo de pratos, já a filhota não aprecia e fica complicado executá-los para uma refeição onde todos estejam...
    Seja como for, adorei a receita e o aspecto delicioso com que as tuas beringelas ficaram, é uma excelente sugestão !

    Beijinhos querida ! :)

    Isabel
    www.blogdochocolate.com
    http://brisa-maritima.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  15. Sabe mto bem de vez em quando pratos sem carne ou peixe!!! Ficou mesmo super apetitosa a tua refeição :)
    beijinhos

    ResponderEliminar
  16. Adorei a sugestão! Tem um aspecto delicioso.

    Bjs

    ResponderEliminar
  17. Adoro beringelas e esta receita é absolutamente magnífica!!
    Beijinhos grandes,
    Lia.

    ResponderEliminar
  18. esta receita deve ser muito boa!
    vai para a minha lista de recitas a fazer...
    beijinhos

    ResponderEliminar
  19. Que maravilha :)
    Devem ficar deliciosas!
    Um grande beijinho

    ResponderEliminar
  20. Realmente a Duxa tem receitas fantasticas e estas beringelas vegan ficaram com um ar apetecivel.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  21. Adorei a tua receita, pois ficou muito rica!
    Adoro beringela.
    Um abraço
    Léia

    ResponderEliminar
  22. Amiga adorei a receita, obrigada, receita anotada vou fazer beijos Luci

    ResponderEliminar
  23. Obrigado pela visita! Fico super orgulhosa!

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Aguardentes & Licores

O ano passado lancei-me na 'arte' de fazer licores para oferecer nos cabazes de Natal. Comprei uma aguardente de boa qualidade e segui duas receitas publicadas na revista da Bimby "Momentos de Partilha". O resultado final foi muito apreciado pelos convivas a quem ofereci, já que por casa ninguém é apreciador de álcool, nem nas maçãs assadas (felizmente só se estraga uma casa) e por isso nem provamos o resultado final.Este ano tentei perceber um pouco mais sobre este universo das aguardentes (a base dos licores). Em jeito de 'Resumo' tenha em atenção o seguinte:O primeiro factor a ter em consideração, quando se faz um licor, tem a ver com o teor alcoólico da aguardente porque a quantidade de água e açúcar que se vai utilizar depende disso. Isto é, se tiver um teor de álcool de 40º, para 1 litro de aguardente, deve-se utilizar cerca de 500 gr de açúcar e 650 ml de água. Se tiver um teor de álcool de 70º, para 1 litro de aguardente, deve-se utilizar a mesma prop…

Pão

Pão... Fazer pão sempre foi para mim uma arte, uma técnica basilar e por essa razão sempre gostei de fazer o meu próprio pão, de experimentar receitas novas, de usar ingredientes novos, novas combinações. Embora não seja nascido no Alentejo, a minha familia é toda alentejana, os sabores sempre foram alentejanos e é a gastronomia com que mais me identifico, de onde o pão é quase a sua base culinária. 
Termos aderido a um novo conceito de alimentação, onde o trigo não entra, fez-me repensar o pão. Apesar de não precisar de pão na minha dieta, somos bombardeados de todo o lado pelo pão... nas reportagens televisivas sobre a Páscoa, nos restaurantes, nas feiras, etc., por isso resolvi pegar nas farinhas aprovadas na alimentação paleo e fazer o meu próprio pão. 
Peguei nos vários conceitos que li sobre o pão, nas várias experiências falhadas nestes meses e produzi o meu Pão, sem glutén, sem trigo e saboroso... nham. Ficou um bocadinho achatado, mas acreditem que ótimo de sabor. 
E é com est…

Cheesecake aldrabado

Se o mote da nossa vida fosse sempre simplificar, tudo seria mais simples... E delicioso.
Num destes finais de dia fiz Granola. Estava a arrefecer em cima da banca quando começamos a jantar. O cheirinho aromático fez-me ter vontade de improvisar algo para a sobremesa. 
Demorou pouco mais de 30 segundos. Sabia o que tinha no frigorífico. Requeijão de cabra, doce de morango e framboesa... Claro que só podia sair um cheesecake aldrabado. Não tivesse logo eu pensado nele quando comprei o requeijão e as framboesas... Embora estivesse longe de imaginar que a falta de tempo me impossibilitasse de fazer a versão tradicional mas fizesse chegar até mim uma alternativa à altura. O risco é só mesmo ser demasiado rápido de fazer e bom demais. Tão bom que enquanto eu tirava fotos do meu, o marido já estava a comer a segunda taça! Brutal!





Cheesecake aldrabado
Ingredientes: - Granola a gosto (ESTA) - requeijão de cabra a gosto - doce de morango e framboesa a gosto (ESTE) - framboesas para decorar
Preparação: E…