Avançar para o conteúdo principal

Natal 2015!

Para mim dezembro é o mês mais atarefado de todos… É um mês em que mal respiro ou durmo. É um mês em que para além do Natal, tenho o aniversário da Joana. É um mês em que me desdobro a ultimar os cabazes de Natal. E normalmente tudo isto se conjuga com dias normais de trabalho com 8/9 horas e com doenças da Joana ou dos adultos cá de casa… Se a tudo isto juntarmos o facto de o Natal ser cá em casa e ainda termos a festa de anos da Joana poucos dias antes, diria que tenho tudo para enlouquecer ou para simplesmente odiar este mês. Ainda que tenha sido o mês em que a minha filha nasceu, confesso que se pudesse, hibernava em novembro e voltava a acordar em janeiro. Começo a não conseguir dar conta do recado…

Bom… Mas desabafos à parte, este ano os cabazes de Natal foram feitos na mesma e na minha humilde opinião, aprimorados face aos anos anteriores. Gostei do resultado final.

Como já expliquei em outras ocasiões, a preparação do Natal começa sempre no dia 1 de Janeiro. Passo o ano a juntar frascos, caixinhas, cartões, enfim… Este ano, para os cabazes, resolvi colecionar as caixas de madeira dos morangos e tomates que fui consumindo no verão. Depois foi só seguir os seguintes passos:


1. Limpei bem as caixas de autocolantes e pó.

2. Pintei as caixas de madeira com uma cor colorida – azul bebé. Como eram muitas e tínhamos já comprado uma pistola para pintar um móvel, foi um instante enquanto o meu marido despachou o assunto. Mas pode, perfeitamente, usar um pincel. Se achar que precisa de uma segunda de mão, deixe secar bem a primeira.

3. Escolha um tecido colorido e forre o fundo da caixa. Eu optei por não colar para que seja fácil de limpar/lavar caso se suje. Na verdade, estou a contar que quem receba estas caixas/cabazes venha a querer utilizar a caixa para outro efeito. Ficaram um miminho.

4. Para finalizar optei por espalhar umas folhas secas no fundo para acomodar melhor os presentes que lá fui colocando.

5. Distribua os presentes que vai oferecer.


Este ano decidimos fazer os seguintes presentes, que fomos combinando, em cada um dos cabazes:

- plantamos em vasos (mas pode e deve reciclar latas de conservas) bolbos de jacintos;

- oferecemos doces que fomos fazendo ao longo do ano com as frutas altas de cada estação (Pode escolher Aqui);

- oferecemos uma mistura caseira para fazer cappuccino em casa;

- oferecemos uma granola caseira deliciosa para comer com iogurte ou leite, ou simplesmente à colherada como a minha criança e marido gostam de fazer;

- oferecemos piri-piri caseiro feito com uma mão cheia de malaguetas "sino de natal" que os meus pais me fizeram chegar;

- oferecemos licor de laranja feito com as primeiras laranjas que os meus pais tiraram da laranjeira que plantaram;

- oferecemos azeite aromático feito a preceito;

- oferecemos chás diversos que colhemos dos nossos vasos, secamos e ensacamos em embalagens de celofane que comprei baratíssimas no chinês.

- oferecemos chocolates caseiros feitos em casa.

- oferecemos uma compota de cebola roxa que é de comer e chorar por mais.


Para tornar tudo isto ainda mais profissional, criei uma etiqueta, nos mesmos tons que utilizei na caixa para cada um dos presentes. Deixo-vos algumas fotos de tudo o que foi oferecido. Claro está que há muitas outras ideias aqui pelo blog, já deixadas em outros Natais (pode ver Aqui e Aqui). Há também muitas outras ideias partilhadas por essa blogosfera fora!


Deixo-vos as receitas que usei. E desejar-vos o melhor Natal possível cheio de saúde, amor e paz.

__________________________

Mistura caseira para Cappuccino

[reciclei caixinhas de manteiga de cabra Palhais]


Ingredientes:

- 150 gr de leite em pó

- 1 colher de chá de bicarbonato

- 1 colher de sopa bem cheia de cacau em pó

- 75 gr de café solúvel

- ½ colher de chá de canela

- 1 saqueta de chantili em pó


Preparação:

Misturar tudo e distribuir em caixinhas. Deu para 6 caixinhas. Não se esqueça de adicionar as instruções para fazer o cappuccino. "Misture 3 colheres de chá da mistura com 200 ml de água quente ou 2 colheres de chá com 200 ml de leite quente".


Nota: Esta receita foi tirada do Mundo de Receitas Bimby, mas já a encontrei também no blog da Joana Roque - http://paracozinhar.blogspot.pt/.

___________________________

Granola Caseira

[reciclei frascos de Nutella]


Ingredientes:

- 5 chávenas de aveia integral

- 3 chávenas de sementes (usei mistura de papoila, abóbora, sésamo e girassol)

- 4 chávenas de frutas secas (usei mistura de passas, ananás, amêndoas laminadas, pinhões, coco ralado)

- 3/4 chávena de óleo vegetal

- 1/4 chávena de mel

- 1/2 chávena de xarope de ácer

- 1 colher de sopa de canela

- 1 colher de chá de sal


Preparação:

Misture o mel, o xarope de ácer e o óleo vegetal e leve ao lume até obter uma mistura líquida.

Misture bem com os ingredientes secos.

Pré-aqueça o forno a 180º.

Distribua a granola num tabuleiro de forno. Como é muita quantidade, faça em duas ou três vezes.

Espalhe bem e programe 20 minutos, mas vá mexendo para não queimar.

Deixe arrefecer e distribua pelos frascos.


Nota: Esta receita é uma adaptação de uma receita de granola caseira de um dos livros da Mafalda Pinto Leite. A chávena que usei tinha 250 ml.

___________________________

Piri-Piri caseiro

[reciclei frascos de especiarias]


Ingredientes:

- 120 gr de malaguetas sino de natal

- 350 gr de óleo de amendoim

- 1 dente de alho

- 1 folha de louro

- 1 colher de chá de colorau

- 35 gr de whiskey


Preparação:

Coloque no copo da Bimby o óleo, o dente de alho picadinho, o louro e o colorau e programe 5 minutos, 100º, velocidade 1. Junte o whiskey e programe mais 2 minutos, 100º, velocidade 1, para evaporar o álcool. Deixe arrefecer.

Corte as malaguetas e distribuas pelos frasquinhos de especiarias esterilizados. Verta o óleo arrefecido.


Nota: Esta receita foi adaptada daqui http://pigletinportugal.com/2011/10/31/molho-de-piri-piri-portuguese-piri-piri-sauce/.

_____________________________

Licor de laranja


Ingredientes:

- 3 laranjas grandes

- 750 ml de aguardente

- água e açúcar qb


Preparação:

Lave bem as laranjas e corte-as em quartos. Distribua bem num frasco alto tipo os frascos da mokambo. Adicione aguardente até cobrir por completo. Deixe macerar por 3 semanas.

Findo o tempo, filtre o licor e pese.

Vai utilizar a mesma quantidade de açúcar e de água para fazer uma calda.

No meu caso usei 600 gr de açúcar e 600 gr de água para 600 gr de aguardente que resultou da maceração.

Levei a água e o açúcar ao lume até levantar fervura e contei 3 minutos. Findo o tempo desliguei e deixei arrefecer.

Depois da calda fria misturei com a aguardente e engarrafei em garrafas esterilizadas.

Deixe repousar cerca de 1 mês até consumir.

_____________________________

Azeite aromático


Ingredientes:

- azeite qb

- alhos qb

- alecrim qb

- louro qb

- casca de laranja qb

- sementes de coentros qb

- pimenta em grão qb

- malaguetas secas qb [opcional]


Preparação:

Dependendo do número de garrafas de azeite que quer fazer, utilize esta receita em proporção. O que precisa de perceber é que o azeite aguenta-se tanto mais tempo, quanto menos bactérias lá colocarmos dentro. Quero com isto dizer que deve utilizar, de preferências, ingredientes secos, que não contenham água.

Assim, para começar, descasquei os alhos e laminei-os fininhos. Pré-aqueci o forno a 100º e num tabuleiro de forno forrado com papel vegetal distribui as lâminas de alho, as hastes de alecrim fresco que colhi dos vasos lá de casa e a casca de laranja que cortei com o descascador das batatas para que não trouxesse a parte branca. Este processo demorou cerca de 1 hora e 30 minutos, mas vá estando atento e vá tocando até que perceba que os ingredientes estão secos.

Nas garrafas de azeite esterilizadas, distribua os ingredientes na quantidade que preferir. Termine com o azeite até cobrir por completo.

____________________________

Chocolates caseiros


Ingredientes:

- 1 tablete de chocolate Pantagruel (55% cacau) - 200gr

- 1 tablete de chocolate de leite -200 gr

- 1/2 tablete de chocolate branco Pantagruel - 100 gr

- passas qb

- avelãs e amêndoas qb

- raspa de laranja qb


Preparação:

Antes de mais comece por espalhar na bancada duas folhas de papel vegetal.

Coloque as avelãs no forno ou numa frigideira antiaderente para poder remover-lhes a pele. Com uma faca, corte grosseiramente as avelãs e as amêndoas (usei com casca, acabadas de partir). Reserve.

Como não domino totalmente o ponto do chocolate, optei por derretê-lo no micro-ondas. Comece por partir os chocolates em pedaços, mais ou menos, do mesmo tamanho, cada um numa taça.

Comece por derreter o chocolate 55% cacau. Não se esquece do chocolate no micro-ondas, o truque é mexê-lo de 20 em 20 segundos. Quando estiver praticamente derretido, misture bem e espalhe numa das folhas de papel vegetal. Distribua a gosto a mistura de avelãs e amêndoas e junte algumas passas.

Derreta o chocolate de leite da mesma forma. Distribua pela outra folha de papel vegetal e distribua as restantes avelãs, amêndoas e passas.

Derreta o chocolate branco da mesma forma. Espalhe por cima de cada um dos chocolates e com a ponta de uma faca vá fazendo uns movimentos em zigue-zague.

Termine com umas raspas de laranja. Deixe solidificar cerca de 4 horas. Corte com uma faca afiada e distribua por pacotes de celofane (comprei no chinês).


Nota: Esta é daquelas receitas que pode combinar como entender. Pode não usar chocolate branco, pode só fazer com o chocolate amargo, pode não usar as passas, enfim, adicione o que gostar. Não é uma fórmula fechada.

______________________________

Compota de cebola roxa


Ingredientes:

- 900 gr de cebola roxa

- 130 gr de vinho do Porto

- 50 gr de azeite

- 50 gr de vinagre de vinho tinto

- 300 gr de açúcar amarelo

- 2 folhas de louro

- 4 ramos de tomilho limão


Preparação:

Corte a cebola em rodelas finas e coloque todos os ingredientes no copo da Bimby. Programe 45 minutos, varoma, velocidade colher inversa. Distribua por frascos esterilizados.


Alternativa de preparação:

Corte a cebola em rodelas finas e coloque conjuntamente com os restantes ingredientes num tacho. Deixe cozinhar lentamente até que a cebola esteja cozida e tenha uma redução cremosa.


Nota: Esta compota é agridoce e ótima para comer com queijos de cabra fortes como o chévre. É uma delicia.

________________________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Comentários

  1. Adorei as ideias! Vou fazer algumas para oferecer e também para mim! Beijinhos :)

    ResponderEliminar
  2. Que sugestões maravilhosas! Adorei.
    Um Feliz e Santo Natal
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  3. Adorei todas as tuas sugestões.

    Boas Festas.

    Beijinhos,
    Clarinha

    http://receitasetruquesdaclarinha.blogspot.pt/2014/12/quinze-dias-com-natal.html

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Pão

Pão... Fazer pão sempre foi para mim uma arte, uma técnica basilar e por essa razão sempre gostei de fazer o meu próprio pão, de experimentar receitas novas, de usar ingredientes novos, novas combinações. Embora não seja nascido no Alentejo, a minha familia é toda alentejana, os sabores sempre foram alentejanos e é a gastronomia com que mais me identifico, de onde o pão é quase a sua base culinária. 
Termos aderido a um novo conceito de alimentação, onde o trigo não entra, fez-me repensar o pão. Apesar de não precisar de pão na minha dieta, somos bombardeados de todo o lado pelo pão... nas reportagens televisivas sobre a Páscoa, nos restaurantes, nas feiras, etc., por isso resolvi pegar nas farinhas aprovadas na alimentação paleo e fazer o meu próprio pão. 
Peguei nos vários conceitos que li sobre o pão, nas várias experiências falhadas nestes meses e produzi o meu Pão, sem glutén, sem trigo e saboroso... nham. Ficou um bocadinho achatado, mas acreditem que ótimo de sabor. 
E é com est…

Aguardentes & Licores

O ano passado lancei-me na 'arte' de fazer licores para oferecer nos cabazes de Natal. Comprei uma aguardente de boa qualidade e segui duas receitas publicadas na revista da Bimby "Momentos de Partilha". O resultado final foi muito apreciado pelos convivas a quem ofereci, já que por casa ninguém é apreciador de álcool, nem nas maçãs assadas (felizmente só se estraga uma casa) e por isso nem provamos o resultado final.Este ano tentei perceber um pouco mais sobre este universo das aguardentes (a base dos licores). Em jeito de 'Resumo' tenha em atenção o seguinte:O primeiro factor a ter em consideração, quando se faz um licor, tem a ver com o teor alcoólico da aguardente porque a quantidade de água e açúcar que se vai utilizar depende disso. Isto é, se tiver um teor de álcool de 40º, para 1 litro de aguardente, deve-se utilizar cerca de 500 gr de açúcar e 650 ml de água. Se tiver um teor de álcool de 70º, para 1 litro de aguardente, deve-se utilizar a mesma prop…

Cheesecake aldrabado

Se o mote da nossa vida fosse sempre simplificar, tudo seria mais simples... E delicioso.
Num destes finais de dia fiz Granola. Estava a arrefecer em cima da banca quando começamos a jantar. O cheirinho aromático fez-me ter vontade de improvisar algo para a sobremesa. 
Demorou pouco mais de 30 segundos. Sabia o que tinha no frigorífico. Requeijão de cabra, doce de morango e framboesa... Claro que só podia sair um cheesecake aldrabado. Não tivesse logo eu pensado nele quando comprei o requeijão e as framboesas... Embora estivesse longe de imaginar que a falta de tempo me impossibilitasse de fazer a versão tradicional mas fizesse chegar até mim uma alternativa à altura. O risco é só mesmo ser demasiado rápido de fazer e bom demais. Tão bom que enquanto eu tirava fotos do meu, o marido já estava a comer a segunda taça! Brutal!





Cheesecake aldrabado
Ingredientes: - Granola a gosto (ESTA) - requeijão de cabra a gosto - doce de morango e framboesa a gosto (ESTE) - framboesas para decorar
Preparação: E…