Avançar para o conteúdo principal

Bundtmania

Adoro o Outono, não fosse a estação do ano em que nasci. Gosto dos cheiros, do aconchego de casa, das frutas e legumes desta estação... Adoro! Assim como adoro a bela chávena de chá/café e a fatia de bolo...

E ainda que os bolos sejam raros por aqui, a verdade é que já tinha saudades de fazer um... E a meia lata de polpa de maracujá à espera de ser utilizada no frigorifico acabou por dar o mote.

Resolvi fazer um bundt. A mãe portuguesa dos bundts é a querida Mena do blog As Aventuras de uma Mamã. E ainda que ande pouco activa na blogosfera e pouco participativa em desafios, porque não fazer um bolo para a bundtmania? Assim em jeito de obrigado pela persistência que esta menina tem tido para comigo...

Espero que gostem. Nao se deixem intimidar pelo nome porque na verdade e simplificando é apenas um bolo que coze numa forma própria - a forma de bundt. De resto, basta que tenha os ingredientes à temperatura ambiente e os bata muito bem. Nada mais simples! E o resultado final, melhor ainda!

Quem tiver a hipótese de utilizar maracujá fresco, faça-o porque vai ficar ainda mais maravilhoso! E estão no auge nesta altura em Portugal!

Espero que gostem e um excelente domingo!

_______________________

Bundt de polenta e maracujá


Ingredientes:

- 120 gr de farinha Branca de Neve

- 120 gr de polenta (pode utilizar farinha de milho)

- 130 gr de amêndoa moída em farinha

- 1 colher de cha de bicarbonato de sódio

- 1 colher de cha de fermento para bolos

- 250 gr de manteiga sem sal à temperatura ambiente

- 250 gr de açúcar amarelo

- 3 ovos L (70 gr cada um) à temperatura ambiente

- 250 gr de polpa de maracujá (usei com sementes)

- raspa de 1 limão


Preparação:

Misture os ingredientes secos numa tigela (polenta, farinha, amêndoa moída, bicarbonato, fermento e raspa de 1 limão).

Bata a manteiga e o açúcar cerca de 10 minutos até obter um creme fofo. Com a batedeira em funcionamento, junte os ovos um a um, batendo entre cada adição.

Adicione à gemada, de forma alternada, a polpa de maracujá e a mistura seca.

Pré-aqueça o forno a 160º e unte uma forma de buraco (ou de bundt cake) e verta a massa do bolo.

Leve ao forno cerca de 45 minutos ou até que o bolo esteja cozido, isto é, fazendo o teste do palito este saia limpo.

Desenforme em cima de uma rede e tente resistir a comê-lo de uma assentada ainda morno. É um bolo cheio de humidade e delicioso...

Esta primeira fatia foi minha, acompanhada de um belo café, alguém servido?


Nota: se não gostar de sentir as sementes do maracujá, passe a polpa por uma peneira antes de misturar no bolo. Eu preferi assim para dar alguma textura ao bolo e beleza, é muito engraçado cortar fatias com pintinhas pretas.

________________________



 

 

 

Comentários

  1. Eu adoro maracujá, e o bolo feito com ela fica muito perfumado! Gostei muito da sua receita! Que lindo bolo! Tão fofo, macio e húmido! Perfeito! ;)
    Beijinhos ;)

    ResponderEliminar
  2. é bom saber que alguém fica com vontade de trabalhar, quando eu peço!! :)) E é um gosto ver-te trabalhar!!
    A unica pena que eu tenho, é mesmo nao ter uma fatiazinha dessas aqui deste lado!! E como se nao bastasse, fazes de maracujá, que aqui é fruto proibido!! Nao encontro nem a polpa!! Um dia destes vou fazer uma aventura tipo Indiana jones, em busca do dito!!!
    Minha querida Soninha, é bom ver-te aqui no teu cantinho e com um bundt para esta maluca!! :)
    Obrigado por teres participado e ja sabes que continuarei a"chatear-te"!
    Um beijinho grande, como tu!
    Mena.

    ResponderEliminar
  3. Huuummm.. que aspecto maravilho!
    Beijinhos
    http://sudelicia.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  4. Agrada-me muito a textura....para além do aspeto exterior!!!!
    Bjs

    ResponderEliminar
  5. O teu bundt ficou lindo! Eu adoro maracujá e essa textura meio húmida deixou-me a salivar ... e só se imaginar o estalinho das sementes .... Meu Deus ... :P Que delicia!
    Beijinho doce :)

    ResponderEliminar
  6. Quem não gosta de uma bela bebida quente e uma fatia de bolo?
    Ficou com excelente aspecto :)

    _____________________
    aculpaedasbolachas.com

    ResponderEliminar
  7. Que aspecto magnífico querida e que combinação de sabores magnífica. Deve ter ficado um estrondo de sabor, como o está de aspecto!
    Obrigada por participares e amanhã sai o novo tema, eheheh!!
    Beijinhos,
    Lia.

    ResponderEliminar
  8. Que belo bundt!
    A conjugação de ingredientes é qualquer coisa de muito boa... :)

    ResponderEliminar
  9. Delicioso! Essa fatia está com a textura perfeita... eu aceito essa mesmo, com o café! :D
    Beijinhos e boa semana!

    ResponderEliminar
  10. Minha querida,
    não és só tu sem tempo, eu também estou e ando-me a valer de publicações agendadas para ir mantendo o blogue activo,
    Por isso só agora consegui chegar até ti e vir ver o teu bundt que é diferente em todos os sentidos!!
    Espero ver-te na proxima edição :)

    beijinhos e bom fim de semana

    ResponderEliminar
  11. Eu também adoro o Outono, amiga, os cheiros, os tons, o conforto do lar nesta altura... tão bom !
    E tão bom esse teu Bundt, participação fantástica na nova moda da nossa Mamã e da noss Lia ! :)
    Adorei o aspecto e provava-o com prazer dando assim uma oportunidade ao maracujá, ao qual não sou lá muito chegada ! :)

    Beijocas

    ResponderEliminar
  12. Deve ser tão bom, adorei os ingredientes!
    Kiss, Susana
    Nota: Ver o passatempo a decorrer no meu blog:
    http://tertuliadasusy.blogspot.pt/2013/10/dia-um-na-cozinha-e-escolha-do.html

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Pão

Pão... Fazer pão sempre foi para mim uma arte, uma técnica basilar e por essa razão sempre gostei de fazer o meu próprio pão, de experimentar receitas novas, de usar ingredientes novos, novas combinações. Embora não seja nascido no Alentejo, a minha familia é toda alentejana, os sabores sempre foram alentejanos e é a gastronomia com que mais me identifico, de onde o pão é quase a sua base culinária. 
Termos aderido a um novo conceito de alimentação, onde o trigo não entra, fez-me repensar o pão. Apesar de não precisar de pão na minha dieta, somos bombardeados de todo o lado pelo pão... nas reportagens televisivas sobre a Páscoa, nos restaurantes, nas feiras, etc., por isso resolvi pegar nas farinhas aprovadas na alimentação paleo e fazer o meu próprio pão. 
Peguei nos vários conceitos que li sobre o pão, nas várias experiências falhadas nestes meses e produzi o meu Pão, sem glutén, sem trigo e saboroso... nham. Ficou um bocadinho achatado, mas acreditem que ótimo de sabor. 
E é com est…

Aguardentes & Licores

O ano passado lancei-me na 'arte' de fazer licores para oferecer nos cabazes de Natal. Comprei uma aguardente de boa qualidade e segui duas receitas publicadas na revista da Bimby "Momentos de Partilha". O resultado final foi muito apreciado pelos convivas a quem ofereci, já que por casa ninguém é apreciador de álcool, nem nas maçãs assadas (felizmente só se estraga uma casa) e por isso nem provamos o resultado final.Este ano tentei perceber um pouco mais sobre este universo das aguardentes (a base dos licores). Em jeito de 'Resumo' tenha em atenção o seguinte:O primeiro factor a ter em consideração, quando se faz um licor, tem a ver com o teor alcoólico da aguardente porque a quantidade de água e açúcar que se vai utilizar depende disso. Isto é, se tiver um teor de álcool de 40º, para 1 litro de aguardente, deve-se utilizar cerca de 500 gr de açúcar e 650 ml de água. Se tiver um teor de álcool de 70º, para 1 litro de aguardente, deve-se utilizar a mesma prop…

Cheesecake aldrabado

Se o mote da nossa vida fosse sempre simplificar, tudo seria mais simples... E delicioso.
Num destes finais de dia fiz Granola. Estava a arrefecer em cima da banca quando começamos a jantar. O cheirinho aromático fez-me ter vontade de improvisar algo para a sobremesa. 
Demorou pouco mais de 30 segundos. Sabia o que tinha no frigorífico. Requeijão de cabra, doce de morango e framboesa... Claro que só podia sair um cheesecake aldrabado. Não tivesse logo eu pensado nele quando comprei o requeijão e as framboesas... Embora estivesse longe de imaginar que a falta de tempo me impossibilitasse de fazer a versão tradicional mas fizesse chegar até mim uma alternativa à altura. O risco é só mesmo ser demasiado rápido de fazer e bom demais. Tão bom que enquanto eu tirava fotos do meu, o marido já estava a comer a segunda taça! Brutal!





Cheesecake aldrabado
Ingredientes: - Granola a gosto (ESTA) - requeijão de cabra a gosto - doce de morango e framboesa a gosto (ESTE) - framboesas para decorar
Preparação: E…