Avançar para o conteúdo principal

E se um dia virem as vossas receitas... Numa revista?

Pouco mudou na minha forma de pensar e sentir desde que criei o blog. Na altura não me achava profissional, nem dotada de uma herança gastronómica digna de nota, nem tinha a ambição de seguir uma carreira neste mundo (já tenho duas carreiras que me completam). Para mim, o blog, tal como em tudo na vida, tem sido mais uma forma de aprendizagem porque para explicar, ensinar como se faz, esforço-me por testar, medir à exaustão e apontar para voltar a testar e só depois publicar.

Mesmo com tantas cautelas, calculo que não seja infalível e haverá, com certeza receitas, que nos encheram as medidas lá por casa mas depois foram experimentadas por outros que já não gostaram assim tanto. Faz parte.

Sempre fui humilde e sempre tive um enorme prazer em partilhar o que faço, sem truques, sem esconder técnicas, sem esconder ingredientes. Se faço bem algo, sinto prazer em passar essa informação tal qual a faço, sem rodeios, ou segredos e sei que o maior retorno que posso ter é saber que a receita x ou y foi testada e aprovada. É essa a recompensa pelo tempo que roubo à minha família e amigos para manter o blog de pé; é essa a motivação que tenho quando depois de 8 horas de trabalho, mais 2 de aulas de Dança, estoirada, me sento no sofá a escrever no blog.

Tudo isto para vos contar que se há 1 ano e meio atrás, quando criei o blog, me contassem que iria abrir uma revista de culinária das bancas e viria lá receitas minhas, eu riria à gargalhada e diria que só podiam estar loucos… As revistas de culinária têm pessoas competentes, que fazem receitas magnificas, bem diferentes das que partilho com humildade. Não precisariam das minhas receitas….

Pois bem, hoje abri uma revista e reconheci uma receita… E depois outra e ainda mais outra…. Fotografei, ainda a achar que estava louca, e assim que pude confirmei que efetivamente se tratavam das minhas receitas de licor. Receitas que publiquei em Dezembro, receitas que durante 2 anos testei à exaustão, que considerava minhas e que com tanto gosto partilhei e até acabou por motivar uma reportagem na TVI.

‘Uma vez na internet para sempre na internet.’ Nunca tanto uma frase me fez tanto sentido…

Sinto-me triste sabem… Eu sei que se partilho corro este tipo de riscos. Mas porque raio uma revista precisa de utilizar as receitas alheias, sem créditos, para vender? Eu não recebo um tostão pela receitas que publico mas há alguém, cujo único trabalho é/devia ser escrever receitas, que em vez de o fazer, as rouba para depois ganhar dinheiro com isso!!! Entendem a minha tristeza? A minha sensação de perda? É assim que me sinto… Não podia deixar de partilhar convosco. Porque sem duvida é muito feio. Sem duvida que se tratam de receitas caseiras, mas de casas alheias! Uma vergonha!


Ora vejam, licor de menta, de erva príncipe e poejo tal qual está no blog: http://umapedradesal.blogspot.pt/2012/11/aguardentes-licores.html

_______________________

 

Comentários

  1. É realmente triste! No mínimo podiam ter-te contactado...
    Bjs

    ResponderEliminar
  2. É mau... Até porque bastava uma referencia onde obteve a receita para fazer a diferença. Plagio sempre existiu e existirá, e é uma forma de mostrar o mau caracter e falta de respeito pelo espirito construtivo de outros. Vender esse plagio é uma forma de roubo intelectual. Mas também é resultado do mundo virtual, sem regras e ética. Se uns lá andam com o intuito d partilha, entreajuda, outros são os ladrões, os oportunistas que não tem pudores em fazer dinheiro com o saber dos outros, tão fracos que são para o bem e tão fortes para o mal.

    Força continua que tu é que estás bem.

    Minha Chef.

    ResponderEliminar
  3. Muito muito triste...ficamos mesmo paralisadas...que nem se consegue respirar!!!
    :( :( :(
    Será que não pode fazer alguma coisa?
    Força!
    Beijinhos;

    ResponderEliminar
  4. Olá,

    Isto é um crime punível por lei acho que devias denunciar a revista. Eles tinha de indicar pelo menos a origem das receitas.

    Envia-lhes um email porque quase de certeza que a administração da revista nem tem conhecimento disso, anda a pagar a alguém para criar receitas e essa pessoa ganha dinheiro a roubar o trabalho dos outros.


    Os teus licores têm um aspecto fantástico :)

    beijinhos

    ResponderEliminar
  5. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  6. É uma pouca vergonha e já me aconteceu... É por essas e por outras que deixei de comprar revistas dessas. Não trazem nada de novo!

    ResponderEliminar
  7. É bom sinal , quer dizer que é uma excelente cozinheira e criativa....
    Mas não deixa de ser injusto :)

    ResponderEliminar
  8. Realmente estou em estado de choque!!! Agora já sabemos as proveniências de muitas receitas que nos vendem nas ditas revistas!!!! Um crime e uma vergonha. Eu acho que deves escrever à redacção da revista sobre este assunto! Não há ética nem respeito, infelizmente é assim. Força e continua a partilhar minha querida. Não é isto que te vai derrubar! Já ouvi muitos casos parecidos de uso abusivo do trabalho dos outros... é triste... muito triste

    ResponderEliminar
  9. Tive que ler 2 vezes o post!! Hoje estou com a minha moral tocada, sem paciencia, e sem um pingo de tolerancia! E ao ler aqui que tu aqui escreveste, ainda fiquei pior!!
    Consigo entender perfeitamente a tua sensação de perda, oh se consigo! E se eu pensava que ja tinha visto tudo, esta foi sem dúvida a gota de água!!
    Sabes uma coisa minha flor, tudo nesta vida tem um retorno! E se esta usou e publicou uma receita sem teu consentimento, outras haverão, que as vão publicar com o teu consentimento! Infelizmente o mundo é assim de escrupuloso e nao custava nada terem mencionado a fonte!!!
    Tu continua a fazer como tens feito até agora, porque estaremos por aqui sempre ávidos da tua humildade!!
    é por isso que eu gosto de ti! e das tuas bolachas que as tenho no pensamento!
    Um beijo do teu tamanho!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Hoje estou como tu e ver algo nosso na posse de outros deixou-me de rastos e sem energia.... E agora as tuas palavras deixaram-me lavada em lagrimas... Hoje nao ta fácil ;-( obrigado por tanto carinho....

      Eliminar
  10. Abri o post toda a contente a pensar que terias uma receita tua publicada em alguma revista com os devidos créditos e afinal deparo-me com isto... Também passei pela mesma situação que tu, no ano passado e foi numa revista da Bimby, aliás houve quem detectasse a situação mesmo antes de mim e mesmo sabendo que não me adiantava de nada mandei emails a reclamar! É muito triste e torna-se desmotivante, porque só quem tem um blog de culinária sabe o trabalho e empenho necessários.
    Por outro lado, já passei pelo lado positivo que foi ter uma receita publicada com os devidos créditos, por isso não te deixes abater!

    ResponderEliminar
  11. Estas últimas semanas têm acontecido coisas inexplicáveis!
    Dou mesmo comigo a pensar que ainda há muitas coisas que desconheço sobre este mundo dos blogues!
    Roubam receitas, publicam-nas, apagam fotos dos blogues.. realmente pensei que já tinha visto de tudo!
    Sinto muito o que te aconteceu!
    Força!!

    Mil beijinhos
    Cristina

    ResponderEliminar
  12. Uma indecência! É totalmente vergonhoso acontecerem este tipo de roubos...
    Devias contactar a revista e pedir satisfações...
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  13. Lamentável minha querida. Mas não se deixe abater. Verdade que só se copia o que é bom. Mas não tem qualificação este acto quando estamos a falar de roubo por um profissional que devia escrever sobre as suas receitas ou mencionar a origem das mesmas. Escreva para a dita revista pois eles estão a pagar a alguém por um trabalho que não faz. Beijinhos e Força desde a Republica Dominicana

    ResponderEliminar
  14. Comprei hoje essa revista! Não me passaria pela cabeça que fizessem uma coisa dessas! Uma indecência!
    É vergonhoso utilizarem receitas sem fonte. Eu tento ser o mais justa possível e mencionar sempre as minhas fontes!
    Um beijinho

    ResponderEliminar
  15. Realmente que lata, um abuso autêntico, mas tem que ser forte querida.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  16. Sonia querida,

    O acto que descreves é inqualificável !
    Quem o fez de facto não tem decência, não tem vergonha, não tem valores e, infelizmente, desde que que tenho o blogue tenho visto coisas de bradar aos céus ! Coisas que eu, com os mais básicos valores morais que me ensinaram e que pensei que ensinavam a todas a gente, nunca me permitiria sequer PENSAR em fazer.
    Sim, copio receitas... ora pois, não sou eu que as crio, mas quando isso acontece a fonte salta de imediato para o rodapé das publicações.
    Que é que custa ?

    Amiga, não fiques parada !
    Com resultados ou sem eles, parados é que nunca devemos ficar ou então esses parasitas de trabalho alheio vão cada vez mais proliferar por aí...
    Há que denunciar estas situações e envergonhar os seus autores... tu daí, eu daqui, os outros do seu lado...

    Tens o meu nº !
    Se precisares de ajuda para alguma coisa, diz !

    Um grande beijinho, cabeça erguida e em frente, porque os créditos desse magnifico trabalho são TEUS e isso, mais tarde ou mais cedo, virá a lume.

    Isabel
    www.blogdochocolate.com
    http:\\brisa-maritima.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  17. Olá...
    Amiga, á muitas pessoas que adoram dizer que as receitas são delas e não são, o maximo que essa revista podia ter feito era por a tua fonte.Se precisares eu escrevo a essa revista a protestar o acontecimento, e para te pedirem desculpa.
    Estou sempre pronta para te ajudar, avisa se precisares...
    Força amiga,
    Beijocas grandes

    Leonor

    http://nacozinhadaleonor.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  18. É a segunda vez que leio o teu post... fiquei parva, juro! E olha que não se trata de ingenuidade, eu sei que o que partilhamos é muitas vezes usado pela net sem créditos, mas estamos a falar de uma revista, com ganhos comerciais... um conselho: liga para a SPA (Sociedade Portuguesa de Autores) e expõe o caso. Em paralelo, contacta a revista. Não fiques parada! É vergonhoso e precisa de ser combatido!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  19. É um abuso na net já é costume mas numa revista acho demais.
    bjs

    ResponderEliminar
  20. Já denunciei a quem de direito. Esperemos que, no mínimo, te venham pedir desculpa.

    ResponderEliminar
  21. Olá,

    Isto realmente é revoltante, receba a minha solidariedade! Por coincidência, estamos a programar uma blogagem coletiva para o dia 12, próximo, que venha a abordar justamente este tema: plágio e desrespeito envolvendo blogs, tanto dentro quanto fora da Internet. Caso queria participar, queira, por obséquio, entrar em contato comigo:

    Marly Oliveira
    blogdamarly@gmail.com

    ResponderEliminar
  22. Quando li o título pensei que tinhas uma revista tinha publicado receitas tuas (com consentimento, claro) mas depois tive que ler duas vezes porque não consegui acreditar.
    as pessoas perdem os valores mais básicos para viverem em harmonia, já não há respeito pelo trabalho dos outros.
    Criar um blogue e alimentá-lo dá trabalho, mas estas pessoas pensam que podem fazer o que querem por ser numa revista. pelo contrário, deveriam ter mais cuidado.
    Tens que denunciar esta situação, não podes baixar os braços perante um roubo desta natureza, denúncia à SPA.
    Imagino o teu estado :( se precisares de ajuda, é só dizeres.
    Bjns
    Isabel

    ResponderEliminar
  23. Que triste que eu fiquei com este post...

    Isto é roubo e é feito por alguém sem o mínimo de ética!!
    E não pode ficar assim.
    Liga para lá!
    Denuncia isto!
    Eles não podem ficar como se nada tivessem feito!

    E coragem :)

    Um beijinho

    ResponderEliminar
  24. Como uma empresa que são eles têm de dar crédito às pessoas a quem roubam as receitas! Recomendo que envie um email para todas as áreas da administração para que pelo menos lhe atribuam o crédito que merece.
    Além disso há alguém a ser pago para plagiar, isso é uma vergonha!
    Não se fique, que os grandes ganham demasiadas vezes.
    Boa sorte :)

    ResponderEliminar
  25. Faz já isto para te protegeres no futuro: http://blogger-hints-and-tips.blogspot.co.uk/2010/10/tools-for-applying-copyright-protection.html

    ResponderEliminar
  26. Contacte a revista e pelo menos solicite (EXIJA) que lhe atribuam os créditos pelas receitas.

    ResponderEliminar
  27. A "revista", conforme indicado na ficha técnica, pertence à MH publicações, associada a uma astróloga.
    http://www.mariahelena.pt/

    Está tudo dito.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Uma vergonha Armando... E as pessoas que a conhecem têm-me contado..... Enfim... Uma vergonha...

      Eliminar
  28. Há tribunais que julgam estas coisas. Acho que os devia processar.

    ResponderEliminar
  29. Esta situação é mesmo muito desagradável e é sem dúvida um abuso. Eu pensando que ia ler que as tuas receitas estavam lá, com os devidos créditos,e afinal tratava-se de uma total falta de escrúpulos por parte da revista.Concordo com as recomendações anteriores: contacta a revista e exige os teus direitos.
    Bjn
    Márcia

    ResponderEliminar
  30. Também eu estou chocada....
    Mas depois de tudo o que já te disseram, todos os conselhos, só me resta desejar que tudo se resolva. Ficamos a aguardar noticias!
    Um beijo!!
    Aida

    ResponderEliminar
  31. Olá, não conhecia este seu blog mas vi a sua notícia no FB alguém a denunciar o abuso e vim aqui dar um apoio, uma força, um abraço amigo.
    sei como é ficar triste com a falta de princípios dos outros... a falta de respeito, a falta de consideração, o abuso, sempre o abuso.
    mas como alguém proferiu atrás com palavras sábias e carinhosas, acredito, que há o bom retorno, que com certeza merece, o universo retribui sempre e da forma mais inesperada mas retribui a quem merece a quem é de bem a quem aqui está com e por boa vontade. Bem haja, força, carinho e muita luz. vou estar atenta porque em breve vai partilhar connosco uma boa notícia que a vai deixar muito feliz :)

    ResponderEliminar
  32. eu julgo que deve haver meios para repor a legalidade... não sou muito de acreditar nessas coisas de retorno e tal, mas ainda acredito na justiça. Já levou a cabo alguma diligência para meter os abusadores na ordem...?
    MMacedo

    ResponderEliminar
  33. Realmente, infelizmente o que não falta por aí quem roube as ideias dos outros o bom trabalho que fazem como é o caso,e depois vendem revistas como se fossem deles as ideias. Mas existe mais revistas\editoras a fazê-lo. São uns triste. Mas siga para a frente pois és superior a isso, agora é denunciar o mais possível e chama-los à razão.

    ResponderEliminar
  34. Quando comecei a ler, pensei que as receitas tivessem sido partilhadas na revista com os devidos créditos e, estava contente. Mas no final, também fiquei triste, isto não se faz. Espero que consigam resolver esta situação. Força e não desistas! :)

    Beijinhos,
    Mafalda

    ResponderEliminar
  35. Olá Sónia. Um amigo chamou-me à atenção para este post. Fiquei extremamente triste e desapontada. A sensação de que uma amiga ter sido roubada toca-nos :-(
    Devias escrever uma carta à direcção da revista e denunciar. Dá luta e continua a fazer como até hoje e partilha as tuas ideias deliciosas connosco. Sempre de cabeça erguida! Não desanimes!
    Felizmente por cada 1 que rouba 1000 valorizam o teu esforço!
    Um beijinho grande!!!!

    ResponderEliminar
  36. Reparei agora que a revista está ligada à astróloga Maria Helena, já bem conhecida por roubo intelectual

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois... Tinha de ser 'profissional' para fazer algo a descarada. Acabei de fazer mais uma pesquisa e ate as fotos sao plagio :-( de outros blogs e páginas.....

      Eliminar
  37. Esta é a publicação mais comentada de sempre no blog e so me posso sentir muito melhor depois da inúmeras manifestações de carinho, dos telefonemas, das sugestões, de todo o apoio... Realmente quando criei o blog, ingénua como so eu, achei que dando o melhor de mim, so poderia atrair o melhor dos outros... O que aconteceu é grave e injustificável, mas a vida continua em frente. Da má publicidade a dona da revista ja nao se livra. Pelo que me foi chegando, parece que é conhecida por este comportamento habitual :-(. Tentei contactar a SPA ainda se sucesso. Tentei contratar a empresa mas depois de me passarem para a pessoa x e y disseram-me que o melhor era falar com a dona - a tal dona Helena que é astróloga! Com tanta gente valida no pais será possível que estas revistas consigam sobreviver, ainda por cima alimentando-se do trabalho dos outros? Da mau nome ao sentir, cria a duvida sobre a fonte das restantes receitas das restantes revistas.... Sim porque nao fui a única plageada.que tenha percebido ha mais uma menina plageada :-( basta procurar-se por licor de chocolate na net para se chegar a receita original 'escrevendo abobrinhas'... Enfim. É triste, muito... É usurpar o trabalho alheio... Que deve ser usado, SIM, mas nao utilizado para proveito próprio! Nao é justo!

    Quanto a medidas mais drásticas... Honestamente nao acredito na justiça em Portugal... Nem espero ganhar nada com isto... Nao é esse o objectivo, nem nunca foi. Ganharia com certeza mais cabelos brancos, ficaria mais pobre para andar a pagar a advogados e se for preciso ainda tinha de pagar alguma coisa à senhora ou à revista.... Porque esta gente é profissional... De outra forma nao faria algo tão as claras.... Enfim, vivendo e aprendendo.

    De tudo isto, so posso estar grata por saber que ha tanta gente do outro lado do ecrã... Gente fantastica, disposta a tomar as dores alheias... Obrigado, MESMO!

    ResponderEliminar
  38. Não custava nada contactarem-te e colocarem lá o teu nome. Estou de acordo, pessoas de uma revista que fazem isso, são desonestas.

    ResponderEliminar
  39. Minha querida sou nova neste mundo ...muita coisa desconheço.... mas uma coisa sei...não fiques parada, repõe a verdade pois isto é inadmissível!!!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  40. Realmente alguém aqui disse ainda pensava que era uma receita tua, publicada com a tua autorização ou algo do género.

    Nunca pensei e que as nossas revistas fazem plágios... ainda sou capaz de aceitar que me "roubem" a receita sem a menção da fonte, ainda aceito que roubem a foto e digam que seja delas mas uma revista?!?! Por amor a santa.

    Bom se precisares de alguma ajuda diz... nem que seja um baixo assinado ou o que raio for.


    Beijinhos,

    Susana
    As Papinhas dos Babinhos

    ResponderEliminar
  41. Uma tristeza. Fez muito bem em partilhar as fotografias mas ainda estao pouco visiveis os nomes dessa equipa de "profissionais". Rita

    ResponderEliminar
  42. Cara autora, O que essa revista fez é crime. Não basta conforme foi aqui dito em alguns comentários colocar a fonte. Isso é suficiente quando se faz um artigo e se utiliza um outro como fonte de informação - mas não existe cópia do original. Neste caso - uma transcrição total do original - isto exige autorização explicita do autor. Ou seja essa revista cometeu um crime. O facto da publicação ser na net não muda nada ao caso. É uma publicação com autor identificado e como tal a cópia sem autorização do mesmo é proibida mesmo que fosse sem intuito de exploração comercial ou tivesse a referência. Plágio puro e simples e punível por lei. Relativamente à fotografia que faz com a equipa da publicação aconselho-a a consultar um advogado porque não sei se não a prejudicará esse facto - não sei sinceramente. Boa sorte na reposição da verdade e da legalidade.

    ResponderEliminar
  43. Infelizmente, hoje em dia é esse o modus operandi de muitas publicações de culinária... A diferença é que umas ainda se dão ao trabalho de mudar um bocadinho a receita e o autor fica na dúvida, embora identifique a sua receita. No caso de que aqui falas, é por demais evidente que se trata de roubo descarado e não de plágio. As pessoas acham que o que está na Internet é de todos, não fazem a mínima ideia do que sejam direitos de autor, mas pior do que desconhecer os direitos de autor é desconhecer as regras básicas da ética... Fazem as coisas sem sequer se questionarem se estarão certas ou erradas. Uma tristeza... o que mais me desgosta é que nós fazemos os blogues com muito trabalho, sem ganhar um cêntimo... e estes tipos apropriam-se do nosso trabalho para ganhar dinheiro. É uma lógica perversa.

    Tens todo o meu apoio! Muita força e um grande beijo

    ResponderEliminar
  44. Eu sugeria ligar para o programa da manhã da senhora, em que ela deita cartas, e simular o pedido de uma consulta, e quando estivesse no ar... falava disso.
    Obviamente só com um tiro de sorte é que aconteceria, pois há imensa gente a ligar.
    Mas contactar diretamente a senhora pelos meios que ela faculta, é uma forma.
    Ela gaba-se de as receitas serem dela no programa, e oferece terços da Senhora de Fátima... :P
    Que vergonha

    ResponderEliminar
  45. tem disponibilidade de tempo (e dinheiro, já agora)? e paciência? então, consulte um advogado: não apenas tem direito a ser ressarcida, como há um exercício de cidadania a cumprir e um sentido de justiça a repor. Estes abusos sucedem-se, precisamente, porque compensam. Se lhes doer na carteira e, sobretudo, nas vendas (porque na reputação pouco lhes interessa), pensarão duas vezes, de futuro.
    Paulo Pinto

    ResponderEliminar
  46. Olá querida... estou chocada...
    como é possível existir pessoas com esse nível? tens o meu apoio e força!!!
    beijinhos
    Silvia, Alenquer

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Aguardentes & Licores

O ano passado lancei-me na 'arte' de fazer licores para oferecer nos cabazes de Natal. Comprei uma aguardente de boa qualidade e segui duas receitas publicadas na revista da Bimby "Momentos de Partilha". O resultado final foi muito apreciado pelos convivas a quem ofereci, já que por casa ninguém é apreciador de álcool, nem nas maçãs assadas (felizmente só se estraga uma casa) e por isso nem provamos o resultado final.Este ano tentei perceber um pouco mais sobre este universo das aguardentes (a base dos licores). Em jeito de 'Resumo' tenha em atenção o seguinte:O primeiro factor a ter em consideração, quando se faz um licor, tem a ver com o teor alcoólico da aguardente porque a quantidade de água e açúcar que se vai utilizar depende disso. Isto é, se tiver um teor de álcool de 40º, para 1 litro de aguardente, deve-se utilizar cerca de 500 gr de açúcar e 650 ml de água. Se tiver um teor de álcool de 70º, para 1 litro de aguardente, deve-se utilizar a mesma prop…

Pão

Pão... Fazer pão sempre foi para mim uma arte, uma técnica basilar e por essa razão sempre gostei de fazer o meu próprio pão, de experimentar receitas novas, de usar ingredientes novos, novas combinações. Embora não seja nascido no Alentejo, a minha familia é toda alentejana, os sabores sempre foram alentejanos e é a gastronomia com que mais me identifico, de onde o pão é quase a sua base culinária. 
Termos aderido a um novo conceito de alimentação, onde o trigo não entra, fez-me repensar o pão. Apesar de não precisar de pão na minha dieta, somos bombardeados de todo o lado pelo pão... nas reportagens televisivas sobre a Páscoa, nos restaurantes, nas feiras, etc., por isso resolvi pegar nas farinhas aprovadas na alimentação paleo e fazer o meu próprio pão. 
Peguei nos vários conceitos que li sobre o pão, nas várias experiências falhadas nestes meses e produzi o meu Pão, sem glutén, sem trigo e saboroso... nham. Ficou um bocadinho achatado, mas acreditem que ótimo de sabor. 
E é com est…

Cheesecake aldrabado

Se o mote da nossa vida fosse sempre simplificar, tudo seria mais simples... E delicioso.
Num destes finais de dia fiz Granola. Estava a arrefecer em cima da banca quando começamos a jantar. O cheirinho aromático fez-me ter vontade de improvisar algo para a sobremesa. 
Demorou pouco mais de 30 segundos. Sabia o que tinha no frigorífico. Requeijão de cabra, doce de morango e framboesa... Claro que só podia sair um cheesecake aldrabado. Não tivesse logo eu pensado nele quando comprei o requeijão e as framboesas... Embora estivesse longe de imaginar que a falta de tempo me impossibilitasse de fazer a versão tradicional mas fizesse chegar até mim uma alternativa à altura. O risco é só mesmo ser demasiado rápido de fazer e bom demais. Tão bom que enquanto eu tirava fotos do meu, o marido já estava a comer a segunda taça! Brutal!





Cheesecake aldrabado
Ingredientes: - Granola a gosto (ESTA) - requeijão de cabra a gosto - doce de morango e framboesa a gosto (ESTE) - framboesas para decorar
Preparação: E…