Avançar para o conteúdo principal

Bolo crumble

Há sabores que são combinações perfeitas. Verdadeiros clichés culinários. Maçã e canela, banana e chocolate, enfim, nunca mais saía daqui... Entre doces e salgados há combinações testadas e mais que testadas e que acabam por ser aquilo a que chamo zona de conforto, porque nunca nos deixam ficar mal.

É nesse campo que incluo a pêra e as avelãs. Dois sabores que adoro e que acho que combinam lindamente. Por isso, assim que vi um bolo com estes ingredientes numa revista, andei mais de uma semana a namorá-lo, a tentar descobrir alguma coisa que não me suasse bem, que me impedisse de o fazer... Não que não estivesse louca por o fazer, mas dado que entrei em dieta, estou a tentar esforçar-me por evitar bolos pecaminosos que me dêem dor de consciência... É complicado gostar de comer... Ter um blog de culinaria... Andar sempre a experimentar coisas novas... E tentar manter a linha. Por isso, um bolo nesta fase, tem mesmo de fazer sentido fazê-lo... E a gulanão conta como argumento!

Pois este bolo começou assim: "Mário sabes o que me apetece mesmo, mesmo, mesmo comer?? Pêras...." Ao que o Mário me responde: "Que engraçado, a mim também!! Tenho de ir comprar!" E pronto... Havendo pêras em casa e convidados a chegar não havia como deixar escapar esta receita...

Juro que comi duas pequenas fatias, só duas... Dividi o mal por varias aldeias... Porque é taoooooooo, mas taoooooo bom... Vale mesmo a pena fazê-lo.

___________________

Bolo de avelãs e pêra com crumble


Ingredientes:


Para o bolo:

- 180 gr de açúcar amarelo

- 150 gr de manteiga

- 160 gr de farinha

- 85 gr de miolo de avelã

- 2 ovos

- 1 colher de chá de fermento

- 1 colher de chá de canela em pó


Para a cobertura:

- 6 pêras

- 45 gr de açúcar amarelo

- 1 colher de chá de canela em pó

- sumo de 1 limão


Para o crumble:

- 90 gr de farinha

- 50 gr de Becel líquida

- 20 gr de açúcar amarelo


Preparação:

Comece pela cobertura. Descasque e descaroce as pêras e corte em gomos finos. Coloque-os numa frigideira antiaderente. Regue com o sumo de limão. Junte o açúcar amarelo e a canela e leve o lume brando até a pêra ficar macia. Reserve.

Para o bolo, coloque as avelãs no copo da Bimby (usei com pele) e reduza a farinha processando 5 segundos, velocidade 7. Retire e reserve.

Coloque no copo a manteiga e programe 50º, 1 minuto, velocidade 2. Junte o açúcar e programe 2 minutos, velocidade 3 e 1/2. Adicione os ovos e programe 1 minuto, velocidade 3. Junte a farinha, o fermento e a canela e bata mais 2 minutos, velocidade 3. Adicione a avelã moída e programe mais 1 minuto, velocidade 3.

Forre uma forma, sem buraco, de fundo amovível com papel vegetal. Verta a massa e distribua a pêra por cima. Reserve o liquido para colocar por cima quando tirar o bolo do forno.

Pré-aqueça o forno a 180°.

Prepare o crumble. Misture a Becel, a farinha e o açúcar amarelo até obter um granulado, migalhas. Distribua por cima da pêra e leve ao forno por 50 minutos.

Finde o tempo, retire o aro, elimine o papel vegetal e deite o liquido de cozinhar as pêras por cima.


Alternativa de Preparação:

Comece pela cobertura. Descasque e descaroce as pêras e corte em gomos finos. Coloque-os numa frigideira antiaderente. Regue com o sumo de limão. Junte o açúcar amarelo e a canela e leve o lume brando ate a pêra ficar macia. Reserve.

Para o bolo, reduza as avelas a farinha auxiliando-se de um almofariz ou robot de cozinha. Reserve.

Derreta a manteiga e misture com o açúcar e bata bem ate obter um creme macio. Adicione os ovos um a um a bata bem. Junte a farinha, o fermento e a canela e bata um pouco mais. Adicione a avela moída e misture tudo muito bem.

Forre uma forma, sem buraco, de fundo amovível com papel vegetal. Verta a massa e distribua a pêra por cima. Reserve o liquido para colocar por cima quando tirar o bolo do forno.

Pré-aqueça o forno a 180°.

Prepare o crumble. Misture a Becel, a farinha e o açúcar amarelo até obter um granulado, migalhas. Distribua por cima da pêra e leve ao forno por 50 minutos.

Finde o tempo, retire o aro, elimine o papel vegetal e deite o liquido de cozinhar as pêras por cima.

______________________

Receita inspirada numa semelhante da Teleculinaria de Janeiro de 2013.

___________________

 

Comentários

  1. Está com um aspeto delicioso!!! Adoro crumbles e este está perfeito e é diferente do habitual.
    Bjn
    Márcia

    ResponderEliminar
  2. Gulosaaaaaaaa......
    Agora toca a ir fazer umas caminhadas na praia de milfontes....
    Bjoka
    Rita

    ResponderEliminar
  3. hummm...que maravilha! Uma bolo perfeito para mim :)
    beijinhos e um bom fim de semana

    ResponderEliminar
  4. Também tenho essas combinações clássicas e que saem sempre bem. Pêras e avelãs, por acaso, nunca tinha ouvido falar.

    O crumble tem tão bom aspecto. Um fatia transparente para mim porque também não quero perder o tino com as coisa boas que vejo por aqui! :)

    **
    Aida

    ResponderEliminar
  5. Que delicia de bolo! Sinceramente a combinação de pêras e avelãs também não conhecia, mas fiquei rendida. Vou levar a receita :)

    Bjs

    ResponderEliminar
  6. Parece me muito bem!!! Como te disse no facebook, hoje também fiz bolo crumble mas de maça e canela!!! =) A ver se publico!!! Gostei muito do teu adoro pêras!! =) Beijinhos

    ResponderEliminar
  7. Olá...
    Que excelente aspecto como sempre :).... Adorei ;)... Beijocas...

    http://nacozinhadaleonor.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  8. Não tivesse o meu pão de banana, eu ja estava na cozinha a fazer este bolinho!! Oh se estava!!! Olha, achas que se pode substituir a avelã por amendoa?? mas com casca?? É que avelãs é raro ter em casa!!!
    Adoreiiiii.... e mais porque fiquei a matutar nesse crumble!!
    Tem que ser uma tentação!!!!
    Beijinhos e bom fim de semana!
    Mena.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Minha linda acho que ficaria melhor com nozes, caso nao arranjes avelas... Talvez tenha um sabor mais parecido. Ou nozes pecan... Mas se experimentares com amêndoa depois conta, sim?? Beijocas gordas!

      Eliminar
  9. Bem, mas que maravilha de bolinho :D Até fiquei a babar :D Tenho de experimentar, que delícia :D

    Beijinhos e tem um bom Domingo :D

    ResponderEliminar
  10. Seu ficou lindo!!!! Gosto muito de bolos com cramble, pera e avelã ainda não provei mas imagino o sabor delicioso que deve ficar!!! Adorei seu blog também tenho um blog de comidinhas, quando puder apareça!!!! Bjks

    ResponderEliminar
  11. Que bolinho delicioso, excelente combinação de sabores:) beijinhos

    ResponderEliminar
  12. De facto tem um aspecto delicioso! A cobertura de crumble deve ficar deliciosa :)

    Beijinhos*

    ResponderEliminar
  13. Adorei a salada, as barras de cereais e o entrecosto mas este bolo está a pedir para o comer... estou como tu: tenho de me lembrar da verdadeira razão para fazer dieta :))) mas uma fatia pequenina também não há-de fazer grande estrago ;)

    beijinhos e bom domingo!

    ResponderEliminar
  14. Uau! eu gosto muito de peras nos bolos combinado com crumble acho que não me ficava só com duas fatias!!! bjks

    ResponderEliminar
  15. É um dos meus bolos preferidos, já fiz alguns semelhantes e adorei todos :)

    O teu ficou absolutamente perfeito!

    ResponderEliminar
  16. Olá amiga,

    Adoro crumbles, qualquer sobremesa que os contenha é já para mim um sucesso e nem a propósito, também fiz um crumble ontem (e também usei avelãs, eh eh eh), mas não em bolo, foi mesmo só com frutinha ! :)

    Adorei o teu bolinho, está apetitoso e tão convidativo que já ia uma bela fatia, oh se ia...

    Beijinhos grandes querida !

    Isabel
    www.blogdochocolate.com
    http://brisa-maritima.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  17. esse bolo está realmente de se comer com os olhos!
    Beijinhos, boa semana

    ResponderEliminar
  18. Que delicia, ficou divino. Já anotei para fazer. Tem combinações que ficam maravilhosas. Adorei as dicas.
    Tenha um ótimo início de semana.

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Aguardentes & Licores

O ano passado lancei-me na 'arte' de fazer licores para oferecer nos cabazes de Natal. Comprei uma aguardente de boa qualidade e segui duas receitas publicadas na revista da Bimby "Momentos de Partilha". O resultado final foi muito apreciado pelos convivas a quem ofereci, já que por casa ninguém é apreciador de álcool, nem nas maçãs assadas (felizmente só se estraga uma casa) e por isso nem provamos o resultado final.Este ano tentei perceber um pouco mais sobre este universo das aguardentes (a base dos licores). Em jeito de 'Resumo' tenha em atenção o seguinte:O primeiro factor a ter em consideração, quando se faz um licor, tem a ver com o teor alcoólico da aguardente porque a quantidade de água e açúcar que se vai utilizar depende disso. Isto é, se tiver um teor de álcool de 40º, para 1 litro de aguardente, deve-se utilizar cerca de 500 gr de açúcar e 650 ml de água. Se tiver um teor de álcool de 70º, para 1 litro de aguardente, deve-se utilizar a mesma prop…

Pão

Pão... Fazer pão sempre foi para mim uma arte, uma técnica basilar e por essa razão sempre gostei de fazer o meu próprio pão, de experimentar receitas novas, de usar ingredientes novos, novas combinações. Embora não seja nascido no Alentejo, a minha familia é toda alentejana, os sabores sempre foram alentejanos e é a gastronomia com que mais me identifico, de onde o pão é quase a sua base culinária. 
Termos aderido a um novo conceito de alimentação, onde o trigo não entra, fez-me repensar o pão. Apesar de não precisar de pão na minha dieta, somos bombardeados de todo o lado pelo pão... nas reportagens televisivas sobre a Páscoa, nos restaurantes, nas feiras, etc., por isso resolvi pegar nas farinhas aprovadas na alimentação paleo e fazer o meu próprio pão. 
Peguei nos vários conceitos que li sobre o pão, nas várias experiências falhadas nestes meses e produzi o meu Pão, sem glutén, sem trigo e saboroso... nham. Ficou um bocadinho achatado, mas acreditem que ótimo de sabor. 
E é com est…

Cheesecake aldrabado

Se o mote da nossa vida fosse sempre simplificar, tudo seria mais simples... E delicioso.
Num destes finais de dia fiz Granola. Estava a arrefecer em cima da banca quando começamos a jantar. O cheirinho aromático fez-me ter vontade de improvisar algo para a sobremesa. 
Demorou pouco mais de 30 segundos. Sabia o que tinha no frigorífico. Requeijão de cabra, doce de morango e framboesa... Claro que só podia sair um cheesecake aldrabado. Não tivesse logo eu pensado nele quando comprei o requeijão e as framboesas... Embora estivesse longe de imaginar que a falta de tempo me impossibilitasse de fazer a versão tradicional mas fizesse chegar até mim uma alternativa à altura. O risco é só mesmo ser demasiado rápido de fazer e bom demais. Tão bom que enquanto eu tirava fotos do meu, o marido já estava a comer a segunda taça! Brutal!





Cheesecake aldrabado
Ingredientes: - Granola a gosto (ESTA) - requeijão de cabra a gosto - doce de morango e framboesa a gosto (ESTE) - framboesas para decorar
Preparação: E…