quinta-feira, 30 de agosto de 2012

Uma pausa

Há alguns sítios que têm o condão de nos fazer sentir em casa. Este ano, pelo aniversario do Mário, descobri a Quinta do Chocalhinho em Odemira. Na altura, inclusive, publiquei um texto sobre o espaço e as inspirações que me trouxe, texto que podem reler AQUI. Desde então, já lá fui mais duas vezes e confesso que não me canso... É lá que me sinto em casa. Representa tudo aquilo que me transmite paz e o estilo de vida que um dia desejava ter...
Aparentemente Odemira não teria muito para nos oferecer... Mas sempre que lá vou, trago a bagagem cheia e não apenas de recordações... Inexplicavelmente, uma argentina abriu uma fábrica (que também é loja) de chocolate artesanal - Chocolates de Beatriz. Devo confessar-vos que sou fã... E não há uma vez que não vá lá e não traga algumas caixinhas com a variedade de oferta que têm... Que é grande e cada chocolate mais fabuloso que o outro...

E agora um Italiano abriu uma loja de queijo artesanal... Uma queijaria gourmet em Odemira? Quem diria... Mas a verdade é que o queijo é mesmo incrivelmente bom e ainda deu para fazer umas iguarias únicas aqui por casa... Já soube que ele 'exporta' para Lisboa, para a mercearia ideal e delidelux, pelo menos. E, pelo que sei, restaurantes como Assinatura ou Pedro e o Lobo já utilizam esta maravilha nas suas inspirações... Não é incrível? Eu achei...
Para marcar a diferença, há ainda a queijaria tradicional - Queijaria do Mira - onde encomendo sempre leite e requeijão de cabra e queijos de ovelha e de cabra e que é, felizmente, a prova viva de que há muitas coisas boas no nosso país. Não há palavras... A senhora até já se ofereceu para me enviar para Lisboa! São magníficos... Mas infelizmente é a excepção à regra.
Tudo isto para dizer que ao ver estes exemplos sinto-me triste... Claro que estamos a falar de uma cidade interior, com população envelhecida, no meio do Alentejo, mas não consigo entender como os poucos a investir na diversidade são estrangeiros... Será apenas uma questão de não termos iniciativa? Será apenas a questão de não termos dinheiro para o investimento inicial? O que explica este fenómeno? Se os estrangeiros vêem nichos de mercado no meio desta crise, será que os nativos não? Será preferível combatermos a desertificação cruzando os braços, desisitindo ou emigrando?
Confesso que não tenho resposta para estas questões... Sei que vou voltar mais uma e outra vez a Odemira e de cada vez que voltar a casa vou trazer tudo o que posso na bagagem... Coisas diferentes que nos fazem sentir pequeninos. Porque vivemos em Lisboa, capital do país, onde achamos que temos tudo, mas na verdade a simplicidade destes locais mostram-nos que nos falta tudo o que é essencial - paz e tempo para viver.
Um bem haja à Dona Margarida e ao Sr. Luís por terem tido coragem para se fixar em Odemira e criarem o espaço maravilhoso que é a Quinta do Chocalhinho e nos terem feito apaixonar por esta região. Um grande obrigado à senhora da Queijaria do Mira que tem um sorriso tão aberto e uma disponibilidade sempre tão grande!
Partilho convosco a simplicidade da refeição que fizemos com alguns dos produtos que trouxemos... O doce de amoras foi feito com muito amor por mim no dia em que chegamos... Com amoras apanhadas na Quinta do Chocalhinho. As melhores que já comi.

_________________________________

Tábua de queijos com oregãos e doce de amora


Ingredientes:

- queijo de cabra qb

- doce de amora qb

- oregãos qb

- tostas com sésamo para acompanhar


Preparação:

Disponha os queijos na tábua e coloque um recipiente à parte com oregãos e outro com doce de amora. Acompanhe com tostas com sésamo. Salpique o queijo com oregãos ou então com doce de amora.

________________________________

As fotos do texto inicial foram encontradas através de uma pesquisa no Google. As da comida são propriedade do blog.

________________________________



 

2 comentários:

  1. Fiquei com uma enorme vontade de conhecer !
    Beijinho doce :)

    ResponderEliminar
  2. Olá
    Adorei a ideia de combinar o queijo com o doce de amora

    Beijinhos,
    Marisa
    http://sweetmykitchen.blogspot.pt/

    ResponderEliminar