Avançar para o conteúdo principal

A amizade e os pedidos inusitados

Quando se tem um blog por vezes surgem pedidos inusitados. Ou melhor, quando gostamos de comer e por vezes fazemos doces para levar aos colegas de trabalho, com quem partilhamos as refeições, sujeitamo-nos a pedirem-nos coisas… diferentes. E quando damos conta temos já uma lista imensa onde consta uma delicia de banana (e eu não gosto de banana) e um bolo de chocolate sem farinha de trigo, sem ovos e sem leite (para alguém que é alérgico a tudo isto, mas ama chocolate)…

Ano e meio depois, resolvi fazer a delicia de banana… Tinha 3 bananas na fruteira a olhar para mim, estava com a uma neura enorme porque o dia de trabalho tinha sido DAQUELES e quem me tinha pedido para fazer este doce é um amigo com quem me identifico bastante e que achei que estava a precisar MESMO de um doce.

E às 22:30 de um dia da semana lá resolvi avançar e guiando-me pela referência da internet que ele me tinha dado, lá consegui fazer algo parecido…

Na verdade, foi um doce que se fez muito rapidamente e eu estava tão cansada que dormi a noite inteira! Valeu a pena!

Realmente é um doce bem interessante, mesmo para quem não aprecia banana. Da próxima vez talvez experimente com outra fruta, maçãs por exemplo. Mas gostei. Assim como quem me ‘encomendou’ o doce, o que me deixou muito contente.

Porque cozinhar é também isto, explicar aos outros para quem cozinhamos que estamos lá para o que der e vier e que no fim, tudo vai correr bem.

_______________________________

Delícia de banana


Ingredientes:


Para a banana caramelizada:

- 200 gr de açúcar

- 100 gr de água

- 3 bananas (450 gr)


Para o creme:

- 400 gr de leite condensado

- 400 gr de leite

- 2 colheres de sopa rasas de Maizena

- 2 gemas de ovo (L)


Para o suspiro:

- 2 claras de ovo (L)

- 5 colheres de sobremesa de açúcar

- 1 colher de chá de fermento para bolos


Preparação:

Comece pelo caramelo. Coloque a água e o açúcar numa frigideira e, sem mexer, espere até começar a ganhar um tom acastanhado. Junte lentamente as bananas em rodelas. Deixe alourar cerca de 3 a 4 minutos até que a banana se ligue com o caramelo. Coloque num tabuleiro de forno.

No copo da Bimby coloque os ingredientes para o creme e programe 12 minutos, 100 graus, velocidade 3. Caso não esteja suficientemente grosso, programe mais 3 minutos.

Distribua este creme por cima da banana.

No copo da Bimby bem limpo e seco, aplique a borboleta, coloque as claras e programe 3 minutos, velocidade 3 e ½. A meio do tempo junte as colheres de açúcar, uma a uma e no final a colher de fermento.

Espalhe este merengue por cima do creme e leve ao forno por 8 minutos ou até o merengue estar bem lourinho.

Assim que estiver frio, coloque no frigorífico. Coma bem fresquinho.


Alternativa de Preparação:

Comece pelo caramelo. Coloque a água e o açúcar numa frigideira e, sem mexer, espere até começar a ganhar um tom acastanhado. Junte lentamente as bananas em rodelas. Deixe alourar cerca de 3 a 4 minutos até que a banana se ligue com o caramelo. Coloque num tabuleiro de forno.

Num tachinho coloque os leites e leve ao lume até começar a querer ferver. Numa tigela, misture as gemas com a Maizena, tentando desfazer bem para não ganhar grumos. Vá juntando aos poucos um pouco de leite quente, mexendo bem.

Depois da mistura estar bem homogénea e não corremos o risco de as gemas cozerem, vá juntando a gemada ao resto do leite que está ao lume. Mexa bem, em lume brando, até engrossar.

Distribua este creme por cima da banana.

Bata as claras em castelo e quando começarem a montar junte as colheres de açúcar, uma a uma e no final a colher de fermento.

Espalhe este merengue por cima do creme e leve ao forno por 8 minutos ou até o merengue estar bem lourinho.

Assim que estiver frio, coloque no frigorífico. Coma bem fresquinho.

_________________________

Receita baseada no site www.tudogostoso.com.br

_________________________

 

 

 

 

 

Comentários

  1. Quando estamos de "neura" nada melhor do que uma fuga para a cozinha para prepararmos algo do nosso agrado. A receita parece-me fantástica... espero que tenha ajudado a aliviar a neura.. eh eh eh.

    ResponderEliminar
  2. Sei exactamente o que sentes hehe :)
    Quanto à sobremesa, uma agradável surpresa, parece uma delicia :)
    -
    Diogo Marques
    Blog: A culpa é das bolachas! | Facebook | Instagram
    -

    ResponderEliminar
  3. Nunca foi muito apreciadora de bananas mas comecei á pouco a comer uma todos os dias .
    Acho que ia gostar desta sobremesa , achei simples de fazer e gostei muito do aspecto
    Bom fim de semana
    bj

    ResponderEliminar
  4. Identifico-me em cada palavra que escreves... eheh. Pedidos desses são o meu dia-a-dia. Mas de vez em quando sabe bem ceder a esses pedidos e satisfazer o paladar de alguém, mesmo que seja com ingredientes que não gostamos. Porque a cozinha é mesmo isso, experimentar, ensair e surpreender, porque como dizes e muito bem, no final, tudo vai correr bem. :)
    E esse doce ficou com muito bom aspecto e acredito que tenha sido muito apreciado.
    Um beijinho e bom fim de semana.

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Aguardentes & Licores

O ano passado lancei-me na 'arte' de fazer licores para oferecer nos cabazes de Natal. Comprei uma aguardente de boa qualidade e segui duas receitas publicadas na revista da Bimby "Momentos de Partilha". O resultado final foi muito apreciado pelos convivas a quem ofereci, já que por casa ninguém é apreciador de álcool, nem nas maçãs assadas (felizmente só se estraga uma casa) e por isso nem provamos o resultado final.Este ano tentei perceber um pouco mais sobre este universo das aguardentes (a base dos licores). Em jeito de 'Resumo' tenha em atenção o seguinte:O primeiro factor a ter em consideração, quando se faz um licor, tem a ver com o teor alcoólico da aguardente porque a quantidade de água e açúcar que se vai utilizar depende disso. Isto é, se tiver um teor de álcool de 40º, para 1 litro de aguardente, deve-se utilizar cerca de 500 gr de açúcar e 650 ml de água. Se tiver um teor de álcool de 70º, para 1 litro de aguardente, deve-se utilizar a mesma prop…

Molho cervejeira

Quem estuda economia ou gestão costuma falar sobre a curva de crescimento das empresas. Na verdade, todas as empresas têm o seu momento de crescimento, expansão e algures no tempo, a estagnação e a morte. Mais cedo, ou mais tarde, é o que acontece. Claro que há empresas que levam mais tempo do que outras a chegar ao declínio… Veja-se a Coca-cola, veja-se a MacDonalds… Independentemente da concorrência, são empresas com história que se mantêm até hoje como lideres, que ultrapassaram todos os momentos de expansão e contração da economia.Em minha opinião isto acontece por variadas razões, seja pela gestão, pelas ações de marketing, pela publicidade, mas acima de tudo, pelo segredo que os seus produtos encerram. Pela inovação que trouxeram quando chegaram ao mercado.Tentando passar isto para o panorama nacional, veja-se a Portugália e o seu molho que se mantém inalterado desde sempre (dizem). Passou de uma cervejaria de Lisboa, a uma cadeia de restaurantes espalhada por todo o país. Ainda…

Sobras de salmão

E quando a vida nos dá sobras de salmão o que fazer? Bom, desfiá-lo e fazer um salada fria? Sim é uma hipótese. Desfiá-lo e fazer uma quiche? Porque não? Fazer umas pataniscas de salmão, ou um paté de salmão? Ora… Uns rissóis? Hum… Não! Apetecia-me algo diferente…Mistura de um lado, mistura do outro e assim nasceram estes hambúrgueres. Muito simples mas que permitiram que 200 gr de salmão, que não davam para uma refeição para dois, fizessem duas refeições para dois!!! Sim porque se à noite fui comedida e acompanhei com salada, no dia seguinte foi uma excelente opção para a marmita, entre duas fatias de pão de hambúrguer, tomate e alface. Nham!!!______________________ Hamburgueres de Salmão com mayonese de caril e cebolinho[fez 9 hamburgueres]
Ingredientes:
Para os hambúrgueres:- 200 gr de salmão cozinhado- 1 cebola pequena picada- 2 batatas médias- 1 cenoura pequena- 3 colheres de sopa de coentros picados- 10 azeitonas- 1 colher de chá de açafrão- sal e pimenta qb- pão ralado qb- azeite …