Avançar para o conteúdo principal

Bacalhau gratinado

Dizem que há mil maneiras de cozinhar bacalhau mas não me canso, ainda assim, de tentar encontrar novas formas de o fazer... Eventualmente há alguém com uma receita parecida, mas igual, DUVIDO! Esta foi feita assim: olhei para o frigorifico e despensa, tentei perceber que sabores me apetecia e ligavam bem e assim nasceu um prato, que por acaso, ficou delicioso e passará a ser mais uma das receitas a ser repetida cá por casa!

Há que dar também o mérito aos produtos fantásticos e versáteis que a Parmalat tão gentilmente me fez chegar. A verdade é que é tão prático quanto abrir um pacote, deixando-me tempo para improvisar, combinar sabores, testar texturas e fazer pratos que, como este, receberam aplausos cá por casa.

Espero que gostem!

_____________________________

Bacalhau gratinado com ovo e azeitonas

[serve 4 pessoas]


Ingredientes:

- 800 gr de batata cortadas às rodelas

- óleo para fritar qb

- 500 gr de bacalhau desfiado

- 4 tomates pequenos maduros

- 2 dentes de alho

- 2 cebolas grandes

- 1 pimento vermelho médio

- 3 ovos

- 3 colheres de sopa de maionese

- 500 ml de béchamel Levíssima Parmalat

- 25 gr de azeitonas picadas

- 3 hastes de salsa picada

Preparação:

Coloque a batata às rodelas (bem secas) na cuba da Actifry com uma colher de chá de óleo e programe 30 minutos.

Corte a cebola em meias luas e os alhos laminados. Refogue com um fio de azeite. Adicione o tomate miudinho (sem pele e sementes) e o pimento vermelho cortado em tiras e deixe apurar e amolecer ligeiramente.

Coloque os ovos a cozer. Aproveite a água de cozedura dos ovos para escaldar o bacalhau num passador.

Tire o excesso de água e junte ao refogado.

Adicione a maionese e o Béchamel. Deixe ferver e desligue.

Distribua as batatas num tabuleiro/pirex de forno e cubra com o creme de bacalhau. Polvilhe por cima com os ovos e as azeitonas picados grosseiramente.

Pré-aqueça o forno a 200º.

Coloque o tabuleiro no forno por 15 minutos. Retire e polvilhe com salsa picada no final.


Alternativa de Preparação:

Coloque as batatas às rodelas (bem secas) a fritar até ficarem lourinhas.

Corte a cebola em meias luas e os alhos laminados. Refogue com um fio de azeite. Adicione o tomate miudinho (sem peles e sementes) e o pimento vermelho cortado em tiras e deixe apurar e amolecer ligeiramente.

Coloque os ovos a cozer. Aproveite a água de cozedura dos ovos para escaldar o bacalhau num passador.

Tire o excesso de água e junte ao refogado.

Adicione ao refogado a maionese e o Béchamel. Deixe ferver e desligue.

Distribua as batatas num tabuleiro/pirex de forno e cubra com o creme de bacalhau. Polvilhe por cima com os ovos e as azeitonas picados grosseiramente.

Pré-aqueça o forno a 200º.

Coloque o tabuleiro no forno por 15 minutos. Retire e polvilhe com salsa picada no final.

___________________________

 

Comentários

  1. Adoro bacalhau e as mil e uma receitas que advêm do bacalhau hehe
    Esta receita está tão apetitosa, agora comia um pratinho desse bacalhau :)

    Beijinhos,
    Joana

    ResponderEliminar
  2. Parece-me muito bom esse molho, ainda n experimentei.
    beijinhos

    ResponderEliminar
  3. Que delicia!
    Deve ter ficado uma delicia a julgar pelos ingredientes!
    Também gosto muito dos produtos Parmalat. Sou cliente já faz muito tempo.

    Bom Domingo.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  4. Que boa sugestão, ficou uma refeição de aspecto fantástico!

    Se retirares a verificação de palavras será bem mais fácil de te deixar comentários, assim torna-se muito incómodo o tempo que se perde a escrever as letrinhas ridículas que são pedidas....

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Luisa estou perdida de riso, LOL! As coisas que descubro contigo!! Eu nao fazia ideia que tinha essa verificação!!!! Tenho um editor manhoso instalado num IPad... Que nao trabalha com blogger... E nao fazia nada ideia que tinha isso (que por sinal tambem me irrita)! Vou tentar perceber como faço para tirar ja que nem sei como pus :-)

      Eliminar
    2. Acho que descobri... Se se mantiver avisa-me sim?

      Eliminar
  5. Olá, o nosso bacalhau tão pleno de possibilidades...,
    gostei muito da forma como o fizeste, e, que aspecto fantástico:)
    Um beijinho, bom Domingo.

    ResponderEliminar
  6. Olá:
    Gostei muito desse bacalhau que está com ótimo aspeto!! Também já fui "bisbilhotar" o restante blog e adorei tudo por aqui.
    Quando puder e se quiser , venha visitar-me. Ficarei muito feliz.
    Bj
    Márcia

    ResponderEliminar
  7. Ainda hoje fiz dois pratos de bacalhau diferentes, adoro,o teu ficou excelente!!

    ResponderEliminar
  8. Pois é, pois é... o bacalhau é de facto cozinhado de 1001 formas e outras tantas... cada um amais deliciosa que a outra ! :)~

    Gostei imenso do teu bacalhau gratinado, a aparência é deliciosa e parece-me um prato bem rápido ! :)

    Beijinhos

    Isabel
    www.blogdochocolate.com
    http://brisa-maritima.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  9. Olá linda,
    Em primeiro lugar, votos de um muito feliz 2013.
    Quanto a este bacalhau, está sublime e de aspecto maravilhosamente delicioso!!
    Beijinhos grandes,
    Lia.

    ResponderEliminar
  10. Olá! Gosto muito de pratos de bacalhau e este parece delicioso! Também gostei do blog, já estou a seguir!
    Beijinhos
    Paula

    http://1toquedecanela.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  11. Adoro bacalhau, e estes gratinados agradam-me mesmo mto!!!
    K apetitoso
    bom ano novo
    beijinhos

    ResponderEliminar
  12. Olá.
    Muito legal, gostei muito do seu blog, parabéns.
    "Que esse ano seja o nosso melhor"
    Até mais

    ResponderEliminar
  13. Olá! Não conhecia o blogue, mas gostei imenso! já adicionei aos favoritos!
    Aproveito para fazer um convite, em jeito de pedido, para fazer uma visita no meu ;)
    E se gostar não esquecer de adicionar!!!
    http://sudelicia.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  14. Oi!Que ótima sugestão... eu adoro bacalhau. Há sempre uma nova forma de o cozinhar. É como dizem há mil e uma maneiras de o confeccionarou talvez mais.
    Beijinhos
    Paula

    ResponderEliminar
  15. Este bacalhau ficou com um aspecto delicioso! Beijinhos

    ResponderEliminar
  16. Que bom aspecto... está de deixar água na boca!

    Beijinhos :)

    Arco-íris na Cozinha
    http://arcoirisnacozinha.blogspot.pt/

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Aguardentes & Licores

O ano passado lancei-me na 'arte' de fazer licores para oferecer nos cabazes de Natal. Comprei uma aguardente de boa qualidade e segui duas receitas publicadas na revista da Bimby "Momentos de Partilha". O resultado final foi muito apreciado pelos convivas a quem ofereci, já que por casa ninguém é apreciador de álcool, nem nas maçãs assadas (felizmente só se estraga uma casa) e por isso nem provamos o resultado final.Este ano tentei perceber um pouco mais sobre este universo das aguardentes (a base dos licores). Em jeito de 'Resumo' tenha em atenção o seguinte:O primeiro factor a ter em consideração, quando se faz um licor, tem a ver com o teor alcoólico da aguardente porque a quantidade de água e açúcar que se vai utilizar depende disso. Isto é, se tiver um teor de álcool de 40º, para 1 litro de aguardente, deve-se utilizar cerca de 500 gr de açúcar e 650 ml de água. Se tiver um teor de álcool de 70º, para 1 litro de aguardente, deve-se utilizar a mesma prop…

Molho cervejeira

Quem estuda economia ou gestão costuma falar sobre a curva de crescimento das empresas. Na verdade, todas as empresas têm o seu momento de crescimento, expansão e algures no tempo, a estagnação e a morte. Mais cedo, ou mais tarde, é o que acontece. Claro que há empresas que levam mais tempo do que outras a chegar ao declínio… Veja-se a Coca-cola, veja-se a MacDonalds… Independentemente da concorrência, são empresas com história que se mantêm até hoje como lideres, que ultrapassaram todos os momentos de expansão e contração da economia.Em minha opinião isto acontece por variadas razões, seja pela gestão, pelas ações de marketing, pela publicidade, mas acima de tudo, pelo segredo que os seus produtos encerram. Pela inovação que trouxeram quando chegaram ao mercado.Tentando passar isto para o panorama nacional, veja-se a Portugália e o seu molho que se mantém inalterado desde sempre (dizem). Passou de uma cervejaria de Lisboa, a uma cadeia de restaurantes espalhada por todo o país. Ainda…

Licor de framboesa

Já referi aqui algumas vezes o quanto os meus gostos têm mudado ao longo da vida. Disso foi esse exemplo este ano ter aprendido a gostar de maracujá e frutos vermelhos. Mas muitos outros exemplos houve e a verdade é que à medida que vamos evoluímos, os nossos gostos também evoluem.Para mim o grande salto aconteceu quando comecei a cozinhar. Não gostava de cebola, ervas aromáticas, pimentos, favas, cogumelos, enfim. A lista era infindável. E a verdade é que até mesmo carne de vaca, que já não comia há mais de 15 anos, por não suportar o sabor, no outro dia abri uma exceção num curso que fiz e… GOSTEI!O importante é termos a mente aberta e dar o primeiro passo para experimentar e insistir se necessário for. Porque só assim conseguimos tirar a teima se é simplesmente um ‘não gostar’ daqueles de quem nunca provou, ou um ‘não gostar’, à séria, de quem não suporta o ingrediente x ou y.As framboesas entraram na minha vida este ano. E era daquelas antipatias crónicas. Era comum ouvirem dizer-…